Follow by Email

sábado, 18 de dezembro de 2010

Cuidado com os excessos, no final de ano!


Cuidado com os excessos no final de ano. As festas de final de ano estão chegando… Natal, Reveillon, comemorações com a família, confraternização com os amigos, festinhas no trabalho, e claro, nesses momentos bebidas e guloseimas não podem faltar!

Porém, na hora da alimentação, é recomendável prestar bastante atençãopara não prejudicar o funcionamento do organismo e evitar a intoxicação alimentar. “O ideal é não exagerar na quantidade. Já que se torna inevitável resistir à oferta de alimentos deve-se evitar repetir o prato, escolher apenas uma determinada sobremesa e beber só um cálice para brindar”, ressalta a nutricionista do Hospital Nossa Senhora das Graças, Marina Rocha Balzer.


O organismo segue um ritmo de trabalho, quando os alimentos são consumidos em exagero ocorrem reações, como, por exemplo, a sobrecarga do fígado, pâncreas e estômago.

Para amenizar os efeitos dos nutrientes gordurosos e ricos em sal e gorduras, a nutricionista enfatiza que é necessário beber muita água e cuidar com a alimentação no dia seguinte. “Os alimentos frescos, como saladas, legumes e muitas frutas, ajudam a eliminar toxinas e excessos prejudiciais a vários órgãos do corpo e favorecem o funcionamento intestinal”, salienta.

Um problema sério que pode ocorrer é a intoxicação alimentar. Uma doença infecciosa que ocorre em pessoas que tenham consumido alimento contaminado por vermes ou por bactérias. As crianças, idosos e gestantes são mais vulneráveis e podem ter desidratação em poucas horas. Os sintomas da doença são: língua seca, fraqueza, sensação de desmaio, ausência de urina, vômitos e diarreias.

“Essas perdas de líquidos e substâncias necessárias ao organismo prejudicam muito a saúde e é importante procurar um médico imediatamente” frisa a nutricionista


Fonte: Lazer e Beleza